Guerra

Síria alega que jatos israelenses estavam ajudando o Estado Islâmico e Assad dispara – “Israel está apoiando diretamente os terroristas”

CURTA PANORAMA LIVRE NO FACEBOOK

O governo da Síria confirmou que disparou e abateu um jato israelense que “invadiu o espaço aéreo sírio no início desta manhã e atacou um alvo militar perto de Palmyra no que é descrito como um ato de agressão que ajudou o Estado islâmico”.

Já fontes israelenses disseram que a Força Aérea israelense estava atacando o Hezbollah no norte da Síria. O exército sírio chegou a atirar mísseis S-200 contra outros jatos israelenses que entraram no espaço aéreo da Síria na manhã desta sexta-feira (17).

O Ministério da Defesa sírio ratificou que suas forças de defesa aérea derrubaram um avião de guerra israelense que voava em direção a fronteira libanesa. De acordo com a declaração divulgada pelo Ministério da Defesa, o avião israelense foi abatido às 2:40 da manhã. (Tempo de Damasco) sobre a área de Bureij perto da fronteira libanesa com a Síria.

Essas ações se tornaram uma rotina para a Força Aérea Israelense e esta não é a primeira vez que os israelitas bombardearam a Síria – ou ajudaram os extremistas que combatem Assad. Semana passada, o presidente da Síria apontou Israel como um aliado próximo dos terroristas na Síria.

lido_1376

Falando aos jornalistas europeus sobre os recentes ataques com bombas em Damasco, Assad rejeitou críticas ao Irã e, em vez disso, culpou o Ocidente e Israel por “apoiar diretamente os terroristas”.

“Se você quer falar sobre o papel europeu [na Síria], ou o papel ocidental, porque está sendo liderado pelos americanos, o único papel é apoiar os terroristas. Eles não apoiaram qualquer processo político. Eles só falam sobre processo político. Já o papel do Irã é completamente diferente. Eles apoiam a Síria combatendo terroristas. Eles apoiam a Síria politicamente. Israel do outro lado está apoiando diretamente os terroristas – seja logisticamente, ou através de ataques diretos ao nosso exército”, desabafou Bashar al-Assad, presidente da Síria e autoridade máxima local.

 

 

Israel também tem um hábito estranho de voar sobre fortalezas terroristas, mas sem nada fazer, preferindo despejar suas bombas no exército sírio. Como relatado no final de fevereiro.

Uma fonte do Exército sírio disse a Al-Masdar, nesta manhã que o avião de guerra israelense havia atravessado a Síria depois de voar sobre o Arsal Barrens do Líbano, onde a Al-Qaeda e o Estado Islâmico (ISIS) estão sediadas no leste do potentado terrorista de Beqa’a.

A fonte do Exército sírio acrescentou que a localização específica do ataque foi na área Jard Nalhleh nas montanhas Qalamoun.

Referências:

Russia Insider

Al Masdar News

Anúncios
Standard

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s