Geopolítica

Arábia Saudita já tem armas nucleares segundo a CIA

A Arábia Saudita já possui bombas nucleares, segundo o ex-diretor do centro de operações da CIA, Duane Clarridge que também é o Diretor Fundador do Centro de Operações Anti-Terrorismo da CIA. A informação é confirmada pelo ex-FBI Hal Turner.

No programa “The Hal Turner Show”, Hal Turner revelou que, com base em seus anos de experiência como um membro ativo da Inteligência de Segurança Nacional juntamente com o a área de força-tarefa de terrorismo do FBI, a Arábia Saudita está na posse de armas nucleares. Ele também deixou claro que um membro da CIA já tinha feito antes tal revelação em público, no canal Fox News, e essa revelação foi uma violação escandalosa dos protocolos de informações classificadas.

Hal Turner afirmou que “a única forma de um cara da CIA revelar tais informações é se Washington quisesse que a informação fosse revelada, caso contrário a pessoa que expôs o material classificado poderia ser processada criminalmente.”

Essa revelação vem num momento em que as forças sírias e russas, lutam contra os terroristas na Síria, podendo em breve enfrentar uma força terrestre de invasão maciça da Turquia e da Arábia Saudita, apoiadas por enormes quantidades de tanques. Especula-se até que os russos podem usar Armas Nucleares Táticas para defender-se de uma grande invasão. Assim, a divulgação dessa informação pela CIA na FOX News é realmente uma afronta para que a Rússia não use Armas Nucleares Táticas ou os sauditas poderão responder ao ataque. Além disso a informação de que o Paquistão forneceu o armamento aos sauditas revela uma configuração de possíveis alianças que poderiam se formar caso ocorra um conflito global – lembrando que o Paquistão faz fronteira com o Irã..

Os mísseis da Arábia Saudita são perfeitamente capazes de transportar armas nucleares e possuem um alcance para além do Oriente Médio. Além disso as bombas nucleares que os sauditas possuem, também podem ser jogadas nos alvos por aviões de combate F-15; possibilitando assim um ataque em qualquer lugar do mundo.

Violação do Tratado de Não Proliferação Nuclear

Os países da península Arábica incluem a Arábia Saudita e o Bahrein, como os que ratificaram ou aderiram ao Tratado de Não Proliferação Nuclear. Qatar e Kuwait aderiram em 1988 e em 1989, Emirados Árabes Unidos, em 1995, e Omã em 1997.

O fato da Arábia Saudita ter tomado posse de bombas nucleares, apesar de ter assinado o Tratado, significa algo muito simples: não se pode confiar na palavra da Arábia Saudita.

Referência:

Super Station 95

Advertisements
Standard

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s